Quarta-feira, Abril 24, 2024

Donald Trump declarou-se inocente de 34 acusações de falsificação de registos comerciais, no caso do suborno à atriz pornográfica, Stormy Daniels, com quem terá passado uma noite em 2006. O ex-presidente dos Estados Unidos terá pagado à atriz durante a campanha presidencial de 2016 para ela não divulgar a história.

“Parece tão surreal – WOW, eles vão prender-me”, escreveu Trump na aplicação Truth Social.
Nunca antes na história dos Estados Unidos um ex-presidente tinha enfrentado acusações criminais.

A acusação alega que Trump esteve envolvido em “conspiração ilegal” para minar a integridade das eleições de 2016.

Trump abandonou o tribunal em silêncio, rumo à sua casa na Flórida. O juiz não lhe impôs uma ordem de silêncio, mas alertou-o que o pode vir a fazer se ele continuar com uma retórica agressiva sobre o caso.

Esta terça-feira, na sua plataforma Truth Social denunciou o que considera ser um “tribunal falso” e um juiz “muito partidário”.

Em frente ao tribunal, apoiantes e opositores de Donald Trump trocaram insultos, apesar de a polícia nova-iorquina os ter separado com grades e estar em alerta, com medo de confrontos.
Fonte: Euro News

You may also like

Deixa um Comentário

O Apostolado Angola - Ontem, Hoje, amanhã e Sempre - Informação Com Credibilidade

O Apostolado – Jornal da Actualidade da CEAST – Conferência Episcopal de Angola e São Tomé e Príncipe, é um site de notícias e representa o ponto de vista a CEAST com relação aos notícias local e internacional.

2023 –  Direitos Reservados. Jornal o Apostolado.  Developed by TIIBS, Lda – TIIBS, Lda – Technology Consultants

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Ler Mais

Política de Privacidade & Cookies