Sábado, Julho 6, 2024

CRIAÇÃO DE CANAIS DE IRRIGAÇÃO DENTRE AS GRANDES PREOCUPAÇÕES DOS CAMPONESES DA ASSOCIAÇÃO TALA HALY.

A falta de água para a agricultura e pecuária, constituem as grandes preocupações dos camponeses da zona da Barra do Kwanza, no município de Belas, em Luanda, que têm a mandioca como a sua produção principal.

Por: apostolado
0 comentário

O grito de socorro, veio do Presidente da Associação para o Desenvolvimento Agrário pecuária e Pesca Tala Haly, que lamenta o facto de apesar de estarem a escassos metros do rio Kwanza e Luei, a água naquela zona, principalmente para o cultivo, tem sido cada vez mais difícil.

João Ferreira do Nascimento revela que são muitas vezes forçados a alugar camiões de cisternas, para regar os campos e dar de beber os animais, e isto, tem sido muito dispendioso para aqueles camponeses, que considerou serem guerreiros, pelo facto de apesar destas dificuldades, conseguirem ainda assim “oferecer” a mandioca e seus derivados, bem como outros produtos ao mercado nacional.

“Uma cisterna aqui chega a custar 60 mil, as vezes mesmo 70 mil; e os nossos camponeses não têm esta capacidade financeira, então todos que conseguem produzir aqui são guerreiros” desabafou.

Aquele camponês pensa que a criação de canal de irrigação ou mesmo até furos de água, vai servir para potencializar a produção de grande escala dos seus associados “precisamos de apoio, uma entidade ou instituição que se responsabilize a nos ajudar a concretizar este projecto, e nós ao nível dos camponeses veremos se for necessário como vamos retribuir essa ajuda, se é pela via de produzirmos vários produtos para eles, enfim, pedimos aquém de direito ou pessoa singular que nós ajudem” explicou.

 

O responsável acrescentou ainda que por exemplo não conseguem fazer furos porque os custos destes projectos estão avaliados em 8 à 10 milhões “não conseguimos fazer agricultura e pecuária expansiva do ponto de vista de produção em grande escala” lamentou.

Estas declarações foram feitas, esta quinta-feira, 18, saídas do encontro entre a associação e os camponeses, que teve como agenda de trabalho, informar sobre os objectivos, projectos sociais, e auscultação das principais dificuldades.

A Associação para o Desenvolvimento Agrário pecuária e Pesca Tala Haly é uma organização não governamental de âmbito nacional, sem fins lucrativos, actuando nos sectores da agricultura, agropecuária e pesca. Repórter Delgado Teixeira

You may also like

O Apostolado Angola - Ontem, Hoje, amanhã e Sempre - Informação Com Credibilidade

O Apostolado – Jornal da Actualidade da CEAST – Conferência Episcopal de Angola e São Tomé e Príncipe, é um site de notícias e representa o ponto de vista a CEAST com relação aos notícias local e internacional.

2023 –  Direitos Reservados. Jornal o Apostolado.  Developed by TIIBS, Lda – TIIBS, Lda – Technology Consultants

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Ler Mais

Política de Privacidade & Cookies